Emprego Planejamento Rodilson Silva

10 maneiras de identificar um mau Gerente!

Em meus 15 anos de trabalho em grandes, pequenas e médias empresas, já tive alguns dos piores Gerentes imagináveis. Eu também tive alguns muito bons. Infelizmente, os maus superaram os bons, e infelizmente, ainda me lembro do mais recente.

Existem vários livros, artigos e documentos que mostram maneiras de ser um bom Gerente.

“Há um enorme número de Gerentes que se aposentaram no trabalho.” – Peter Drucker

Aqui estão dez características de um mau gerente:

1 – Gerenciam todos do mesmo jeito

Maus Gerentes gerenciam todos do mesmo jeito, não importa para eles se você é capaz de realizar o trabalho no mesmo nível que os outros membros da equipe, as expectativas são as mesmas. Se seu estilo de gestão é delegar, então vai ser esperado que você aceite as tarefas com pouca ou nenhuma instrução, detalhes ou informações e precisa realizá-las no mesmo nível que os outros membros da equipe que têm feito o mesmo trabalho por muito mais tempo que você.

Não há respeito por você ou suas capacidades. É mais fácil para o gerente gerir dessa maneira do que pensar em você individualmente.

2 – Escolhem seus favoritos
Escolha - Gerentes

Escolha – Gerentes

Maus Gerentes escolhem seus favoritos. Não necessariamente porque eles são melhores profissionais do que você, mas porque simplesmente gostam deles mais do que você.

Eles saem com eles, almoça com eles, têm mais em comum com eles, e tem um relacionamento mais amigável além da gestão/subordinado. Os favoritos terão os melhores trabalhos, a maioria dos elogios, as melhores avaliações anuais, e os maiores aumentos.




3 – Seu ponto de vista é o único ponto de vista.

Gerentes ruins são terríveis ouvintes. Eles têm um único ponto de vista sobre o departamento e tudo nele. Eles sabem a melhor forma de gerir pessoas, atribuições, clientes e fornecedores e eles esperam que você esteja em linha com a sua filosofia.

Eles não querem nem ouvir nem aceitar outras opiniões, e até mesmo quando eles escutam, eles vão vir para cima com uma desculpa de como aquilo não vai funcionar em seu departamento.

4 – Técnico na gestão

Às vezes, maus Gerentes não sabem que são maus gestores até se tornarem gestores. Gestão de pessoas é uma arte, ainda há muitas pessoas muito boas técnicas que deveriam permanecer técnicas, mas são feitos gestores.

Os técnicos são bons em administrar as coisas técnicas, não necessariamente a gestão de pessoas. Eles simplesmente não têm as habilidades de pessoas e empatia para lidar com os problemas de seus subordinados, tanto pessoal quanto relacionados ao trabalho. Os técnicos, em sua maior parte, devem permanecer técnicos.

5 – O Coração não está no jogo

Os maus Gerentes realmente não desejam gerenciar. Eles não querem colocar tempo, energia e esforço para se tornarem melhores gestores. Se você quer ser um gerente, então você realmente precisa querer gerenciar pessoas.

Maus gestores veem suas funções de gerenciamento como uma tarefa. É algo que eles têm de fazer, não que querem fazer.

Reuniões de pessoal são demoradas e um desperdício. Revisões anuais são um desperdício de tempo valioso de modo que muitas vezes quase todos os comentários são exatamente os mesmos. Pouco ou nenhum esforço é colocado em melhorar seus subordinados, porque isso também leva tempo e esforço.

6 – Falta de empatia
Empatia - Gerentes

Empatia – Gerentes

Maus Gerentes não se preocupam com seus subordinados. Eles perdem mais tempo em procurar coisas que seus subordinados estão fazendo de errado, em vez de coisas gratificantes que estão fazendo corretamente. Eles não têm nenhum interesse ativo em seu trabalho, esforço, sua vida em casa ou seus problemas.

Eles têm pouca tolerância por pessoas que podem precisar de sua ajuda e não querem dedicar o tempo para treiná-las afim de melhorar cada membro da equipe. A ênfase está no trabalho e nas entregas, e não sobre as pessoas e os processos.

7 – Falta de competências na gestão

Muitos Gerentes não se preocupam com a gestão da liderança ou comunicação. Muitos nunca gerenciaram pessoas antes. Muitos não acreditam que precisam de qualquer tipo de formação, procurar algum conselho, ou aceitar qualquer treinamento para serem capazes de gerenciar pessoas. “Eles estão errados”.

Assim como você não se senta no piano e já começa a tocar a Quinta Sinfonia de Beethoven, você não se torna um bom gerente saltando direto no lado fundo da piscina. É preciso tempo para dominar o conjunto de habilidades necessárias para serem capazes de treinar e gerenciar bem.




8 – Falta de tempo

Os maus Gerentes não querem investir o tempo necessário para se tornarem bons gerentes. Como afirmei anteriormente, você tem que desejar gerenciar as pessoas, a fim de se tornar um bom gerente. E para se tornar um bom gerente, você precisa investir tempo em aprender e desenvolver suas próprias habilidades, bem como passar ainda mais tempo com todos os membros de sua equipe.

9 – Falta de esforço

Juntamente com o tempo vem o esforço. Tornar-se bom em alguma coisa leva tempo e esforço. Os atletas profissionais gastam horas e horas aprimorando suas habilidades. Gestão de pessoas exige esforço. Isso não acontece da noite para o dia e também não acontece por acaso. É um processo de constante aprendizagem, onde a ênfase é sobre o resultado final de ser capaz de treinar de forma eficaz, como mentor, e melhorar seus subordinados.

10 – Falta de objetivos

Maus Gerentess definem metas terríveis. Eles geralmente não são específicos, não mensuráveis, não atingíveis, não realistas, e depende do gerente determinar se o subordinado realmente está alcançado as metas estabelecidas. Esta é uma receita para o fracasso, não só para o subordinado, mas o gerente também.

O esforço extra de criar bons objetivos na frente de cada membro da equipe economiza uma enorme quantidade de tempo e esforço no final do ano, quando for reexaminar e avaliar a realização dos objetivos.

Conclusão:
Mau Gerente

Mau Gerente

Um dos maiores problemas com os maus Gerentes é que, em muitos casos, eles nem sequer sabem que eles são ruins. Eles podem realmente acreditar que são bons gestores. Isso pode ser porque eles foram promovidos em suas posições atuais por gestores igualmente ruins. Infelizmente, as pessoas que agora promovem os gestores, por sua vez foram ou ainda são maus gestores.

Maus Gerentes vêm daqueles que realisticamente não querem gerenciar pessoas.

Se você tem coração, e está disposto a colocar tempo e esforço, você pode ser mais do que um gerente. Você pode ser um bom treinador e mentor, que é o que todos os gerentes deveriam se esforçar para ser de qualquer maneira.

Você já teve de lidar com um gestor assim?

Até a próxima, seja o seu melhor, invista no sucesso de outros e faça a sua viagem contar.

Rodilson Silva

Gostou do conteúdo, por favor compartilhe!!!




CURSOS ONLINE
Cursos online para qualificação profissional, em diversas áreas do conhecimento, com certificados válidos para você dar upgrade na sua carreira.

Cursos Online

Cursos Online

Compartilhe

Sobre o autor | Website

Rodilson Empreendedor Digital, Autor, Colunista, investidor e fundador do Site Guia Corporativo.