As conquistas e o legado na despedida de Cesar Meireles da Abol

As conquistas e o legado na despedida de Cesar Meireles ao encerrar o seu ciclo como Diretor Presidente da Abol (Associação Brasileira de Operadores Logísticos).

O Cesar tem mais de 34 anos em grandes organizações, ocupando posições de diretoria e executivo sênior em empresas como a Ciquine, Paranapanema, Promobahia, TPC, Grupo Lachmann, Santos Brasil, Katoen Natie, Multilog etc e atua desde outubro de 2012, como presidente da ABOL – Associação Brasileira de Operadores de Logística e, desde 2016, como vice-presidente da ALALOG – Associação Latino-Americana de Logística. É diretor do Deinfra (Departamento de Infraestrutura e Logística) da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e presidente do Conselho Internacional do Brasil Export.

Descubra sobre:

  1. A nossa 1º pergunta de hoje é para falar sobre um tema importante para os operadores logísticos de todo Brasil que é a sua saída como Diretor Presidente da ABOL – Associação Brasileira de Operadores Logísticos.
    • O que te levou nesse momento após 8 anos e 6 meses dedicados a ABOL de deixar a posição de Diretor Presidente?

 

  1. Com certeza ao longo desses 8 anos na Presidência da ABOL, você passou por diversas adversidades e tomou ações necessárias a fim de conquistar e posicionar a ABOL como a representante da categoria que serve de elo para diferentes agentes de mercado.
    • O que levou a Fundação da ABOL em 2012, quais e quantos foram os primeiros associados em seu início e quantos são os associados hoje que fazem parte da ABOL?

 

  1. Um dos destaques da sua gestão na ABOL é o conjunto de estudos que trazem o perfil dos Operadores Logísticos no Brasil, estudos esses, iniciados em 2015, sendo, o primeiro, realizado pela KPMG, Mattos Filho e FDC (Fundação Dom Cabral), tendo atualizações bianuais, cuja última versão, fora atualizada agora em 2020 realizada pela FDC.
    • Quais foram os objetivos desses estudos para os Operadores Logísticos no Brasil e quais os principais destaques dessa nova versão de 2020?

 

  1. Com o objetivo de promover a interação, difundir conhecimento e destacar as melhores práticas entre seus afiliados, a ABOL organizou diversos eventos que se tornaram referência para os profissionais da categoria, como a 1º versão do Congresso Anual, ocorrida em 2015, dedicado ao Planejamento Estratégico da entidade, o ABOL Convida, o ABOL Day, entre outros.
    • Como você destaca importância desses eventos para os associados e como isso os ajudou devido ao compartilhamento de conhecimento no aprimoramento das empresas do setor?

 

  1. Como parte do seu escopo de trabalho, sempre fez parte promover a presença da ABOL no exterior através da participação em fóruns no exterior e também missões internacionais etc.
    • Por que tornar conhecido o nome da ABOL internacionalmente foi importante, e quais foram os benefícios em se tornar uma referência internacional?

 

  1. Durante todos esses anos da sua gestão, a ABOL não caminhou sozinha, você trabalhou como Presidente para a conquista de diversas parcerias que ajudaram nessas conquistas, como a parceria com a CNT (Confederação Nacional do Transporte), com a ALALOG (Associação Latinoamericana de logística), com a CIT (Câmara Interamericana de Transporte) e também com o Brasil Export (Fórum Nacional de Logística e Infraestrutura Portuária Brasil Export).
    • Quais foram os benefícios de construir esses relacionamentos profissionais e como essas parcerias ajudaram a ABOL a crescer?

 

  1. A ABOL seguiu à risca uma gestão que visa crescer, que visa se destacar como referência no meio, uma vez que o setor privado não foi esquecido: Vocês trabalharam em estudos e projetos com a FDC (Fundação Dom Cabral), trabalharam com o ITL (Instituto de Transporte e Logística) da CNT, com cursos de pós-graduação executiva, com a Integration Consulting para um estudo de benchmarking operacional, com a Korn Ferry/Hay Group realizando a pesquisa bianual de cargos, salários e benefícios do setor etc.
    • Como foi feito essa aproximação com esses stakeholders e quais foram os avanços frente as parcerias estratégicas estabelecidas?

 

  1. Todo esse trabalho trouxe o reconhecimento da ABOL por diversos órgãos públicos, a exemplo do BNDES, da ANVISA, da SEFAZ-SP, dentre outros.
    • Como esse reconhecimento solidifica o trabalho que você tem feito na ABOL e o que mudou de 2012 até agora?

 

  1. Nós falamos no GuiaKast ep 81 em 2020 sobre a PL 3757 – Projeto de Lei dos Operadores Logísticos, de autoria do deputado federal Hugo Leal (PSD/RJ) que regulamenta a atividade do Operador Logístico no Brasil, e tem por objetivo trazer transparência e clareza de interpretação a fim de que os stakeholders possam ter a mesma leitura do setor, das suas atividades e responsabilidades do operador logístico, revogando ainda, o decreto nº 1102 de 1903, que trata da Armazenagem Geral. Sabemos todos que esse foi um esforço seu, um esforço da ABOL através da sua gestão que com certeza vai ser uma conquista enorme para os operadores logísticos.
    • Qual o status referente a tramitação da PL 3.757/2020 na Câmara dos Deputados Federais e quais os benefícios para o setor através dessa regulamentação?

 

  1. Você tem participado em eventos do setor através de feiras, webinares, transmissões ao vivo, a fim de levar informações sobre o mercado e pleno conhecimento sobre a função dos Operadores logísticos no Brasil.
    • Você acredita que ainda existe muita desinformação sobre quais são as corretas atribuições dos operadores logísticos no Brasil, mesmo entre os profissionais de logística?

 

    • E como não poderíamos deixar de falar, uma vez que a ABOL é a Associação Brasileira de Operadores Logísticos – você poderia nos clarificar novamente o que seria um Operador Logístico?

 

  1. Nós falamos no nosso bate papo para o GuiaKast no ep 73 sobre que tipo de legado você já deixou ou gostaria de deixar a fim de ser lembrado como uma referência frente as conquistas do setor e a sua resposta nesse episódio foi poder deixar a sua paixão pela logística, sua paixão pelo setor, seu comprometimento, sua busca pela transparência e pelo compliance e poder ver a atividade reconhecida e regulamentada.
    • E nesse momento de despedida após 8 excelentes anos na Presidência da ABOL, qual legado você vai deixar para o seu sucessor na Associação Brasileira de Operadores Logísticos?

 

  1. E para minha última pergunta – O que você pretende fazer após a saída da ABOL? Quais são os seus planos? Vai dedicar-se a um período sabático?

 

 

 

Deixe a sua avaliação e comentários em ratethispodcast.com/guiakast

Entre em contato comigo – envie uma mensagem direta através do Instagram para guia_corporativo,  twitter @Rodilsons ou pelo telefone (11) 98705 4454, fique à vontade para ligar ou enviar uma mensagem.

Diretórios:
Spotify I Android I Deezer I Stitcher I Outros

Parceria
Log&SCM / W6Connect / Qargo /

E caso tenha alguma notícia relevante, evento, reportagem, opiniões e tendências do mundo do Cadeia de Suprimentos que gostaria de dar destaque no GuiaKast, envie uma mensagem direta através do Instagram para guia_corporativo,  twitter @Rodilsons ou entre em contato através do telefone (11) 98705 4454, fique à vontade para ligar ou enviar uma mensagem.

Se você estiver ouvindo esse episódio pelo Spotify não esqueça de clicar no botão “seguir”, e se você estiver ouvindo pelo Apple Podcasts deixe suas 5 estrelas e comentário que eu leio todos. Me adiciona também lá no LinkedIn é só procurar Rodilson Silva – Comunicador Logístico Multiprofissional – 👉 LinkedIn.

O mundo do Supply Chain está mudando rapidamente. Não tem tempo de navegar na web e descobrir quais são as tendências atuais. Nossa equipe de redação seleciona os assuntos mais relevantes da semana e prepara para ti um boletim resumido com os links para você não perder nada. Se inscreva no GuiaKast e esteja por dentro com as últimas notícias, reportagens, opiniões e principais tendências que estão transformando a Logística Mundial.

Eu sou Rodilson Silva que te envia um GuiaKast Abraço!

Até a próxima, seja o seu melhor, invista no sucesso de outros e faça a sua viagem contar.

Gostou do conteúdo, por favor compartilhe!!!

Como arrumar emprego em 90 dias

Para a grande maioria dos profissionais, o processo na busca de emprego é algo desgastante, o que pode resultar em impactos indesejáveis ao estado emocional daqueles que pretendem conquistar uma boa posição no mercado de trabalho. Uma das causas que agravam o desconforto desse momento é a falta da correta informação profissional sobre os principais pontos envolvidos nesse processo. Tal desinformação pode até mesmo fazer com que boas oportunidades sejam desperdiçadas por causa da tomada de atitudes prejudiciais ao processo. Tais atitudes, no entanto, são previsíveis, logo podem ser evitadas.
Aqueles que usam seu tempo e recursos sabiamente e praticam os passos deste livro, serão capazes de desenvolver os hábitos que transformam e conseguir esses objetivos dentro de 90 dias ou menos.

Esse livro tem como objetivo ajudá-lo nesse processo do início ao fim e responder as principais perguntas, principalmente as que te causam ansiedade.

Sobre o autor | Website

Empreendedor Digital, Autor, Colunista, investidor, podcaster (GuiaKast) e fundador do Site Guia Corporativo.

10 Benefícios de escolher a Logística como sua Graduação

E-book 100% grátis

100% livre de spam.